Curso online – Hipnose prática e clínica

Pague com PagSeguro - é rápido, grátis e seguro!
Em até 18x no cartão! Garanta já o seu!

Adquira já um dos melhores cursos online em hipnose prática e clínica e torne-se um profissional do Instituto Brasileiro de Hipnose.

O que vou aprender no curso?

.: Hipnose prática :.
1 – O que é a hipnose?
2 – História da hipnose
3 – Para que ela serve?
4 – Como funciona a hipnose
5 – Fator crítico
6 – Downtime e Uptime
7 – Pré – talk
8 – Rapport
9 – Níveis de transe
10 – Sintomatologia do transe
11 – Os cuidados que devemos ter
12 – Autoridade na hipnose
13 – Vestindo a capa do mago
14 – Pseudo hipnose
15 – Induções (Dedos magnéticos, mãos coladas, indução
ensaiada, falso aperto de mão, hand-drop, arm-pull, espiral,
Elman e toque de charcot)
16 – Criando suas próprias induções
17 – Aprofundamentos
18 – Criando amnésia e alucinações
19 – Ancoragem
20 – Auto hipnose

.: Hipnose clínica :.
1 – O que é a hipnoterapia e para que ela serve?
2 – Anamnese
3 – O que é hipnose conversacional?
4 – Utilizando a hipnose conversacional na hipnoterapia.
5 – Técnica da forma geométrica
6 – Flash hipnótico
7 – Removendo dores
8 – Foco e concentração
9 – Anestesia hipnótica
10 – Medos e fobias
11 – Emagrecimento
12 – Reeducação alimentar
13 – Balão hipnótico
14 – Regressão e vidas passadas
15 – Traumas
16 – Vícios
17 – Síndrome do pânico
18 – TOC
19 – Ansiedade
20 – Depressão
21 – Ab-reação e como lidar


.: Dicas e considerações finais :.
1 – Todas as pessoas são hipnotizáveis
2 – Como e quando começar?
3 – E se eu falhar?
4 – Erros que a maioria comete
5 – Protocolo a prova de falhas
6 – Dicas que não são ensinadas

7 – Conclusão

Você vai publicar um post hoje. Não se preocupe com a aparência do seu blog. Não tem problema se você ainda não tiver dado um nome para ele ou se parecer complicado. Basta clicar no botão “Novo post” e dizer por que você está aqui.

Por que fazer isso?

  • Para contextualizar novos leitores. Qual seu objetivo? Por que as pessoas deveriam ler seu blog?
  • Isso ajudará você a se concentrar nas suas próprias ideias para seu blog, bem como o que você pretende com ele.

O post pode ser curto ou longo, uma introdução à sua vida ou uma declaração de missão para o blog, um manifesto para o futuro ou um simples resumo dos tópicos que você planeja publicar.

Para ajudar você a começar, confira algumas perguntas:

  • Por que você está fazendo um blog público, em vez de manter um diário pessoal?
  • Sobre quais assuntos você quer escrever?
  • Com quem você gostaria de se conectar por meio do blog?
  • Se você usar o blog direitinho durante o próximo ano, o que espera conquistar?

Você não precisa se ater a nada disso. Uma das partes mais interessantes sobre os blogs é que eles evoluem constantemente enquanto aprendemos, crescemos e interagimos uns com os outros, mas é sempre bom saber de onde e por que você começou. Além disso, organizar seus objetivos pode dar ideias para outros posts.

Não sabe por onde começar? Escreva o que vier primeiro à cabeça. Anne Lamott, autora de um livro sobre escrita que amamos, diz que você precisa se permitir escrever um “primeiro esboço ruim”. Anne tem razão. Comece a escrever e se preocupe em editar depois.

Quando estiver tudo pronto para publicar, selecione de três a cinco tags que descrevam o foco do seu blog, como escrita, fotografia, ficção, maternidade, gastronomia, carros, filmes, esportes ou o que for. Essas tags ajudarão as pessoas que se interessam por esses tópicos a encontrar seu blog no Leitor. Não deixe de incluir a tag “zerotohero” para que novos blogueiros também encontrem você.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: